quinta-feira, 27 de agosto de 2009

AMERICANTO AMAR AMÉRICA (3)

América
tua alegria me embebeda eu sou teu
deus poeta incandescido no teu ventre
teus olhos brilham poemas terríveis
gaivotas criminosas de Ginsberg
& me enfeitam & me enfeitam
arcoiris de luas gigantescas
empoeiradas nos ruídos das motocicletas
& há tanta doçura na gasolina
matando a sede na minha garganta &
alucinógenos & lírios & violetas & roseiras
& porres de cocaína & rolos de maconha

Nenhum comentário:

Postar um comentário