domingo, 9 de setembro de 2012

ARTE DO PODER





Os romanos inventaram 
com leões e cristãos
o circo com pão.
Os brasileiros bolaram 
com samba e com sol 
o circo sem pão
                          do futebol.
Hoje o Brasil
descoberto de novo, 
inventado de novo,
decretou o Estado de Circo
- sem picadeiro, sem palco e sem pão -
com panos colloridos tapando o céu
um mágico desgovernado no planalto 
e uma platéia de 140 milhões 
de bestas e de palhaços. 



Olinda, 1990.


(Do folheto AMÉRICA INDIGNADA 
Y POEMAS DA ALEGRIA DA VIDA
- Nordestal Editora, Recife, PE, 1991)


_____________________________________________
Transcrito do livro AMERICANTO AMAR AMÉRICA
E OUTROS POEMAS DO SÉCULO 20, de Juareiz Correya
- Panamerica Nordestal Editora,  Recife, PE, 2010
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário