sábado, 11 de junho de 2011

CANÇÃO PARA VICTOR JARA

"o canto tem sentido
quando palpita nas veias
de quem morrerá cantando
as verdades verdadeiras"
(VICTOR JARA)




morrerei cantando, Victor Jara.
depois dos dedos cortados
as mãos sangrarão ritmos e cordas
e a canção elevará minha voz.
e me cortarão os pulsos
e os tocos dos meus braços
sem instrumentos sustentar
rubros vão balançar
sem minha canção parar.
meus dentes serão quebrados
na minha boca prensados
na garganta atulhados
no meu canto sufocado.
meu rosto disforme de insultos
virado na sanha dos brutos
vai minha vontade cantando
na cara do povo mostrar.
além da loucura e dos urros
da soldadesca assassina
além de chutes e murros
e da bala que elimina
- nesta praça de esportes
onde nos jogam com a morte -
meu povo não calará,
minha voz vai mais cantar,
meu canto não morrerá.
morrerei cantando, Victor Jara.




(do livro AMERICANTO AMAR AMÉRICA,
de Juareiz Correya
- Nordestal Editora, Recife, PE, 1982)


____________________________________
Transcrito do livro AMERICANTO AMAR AMÉRICA
E OUTROS POEMAS DO SÉCULO 20,
de Juareiz Correaya
- Panamérica Nordestal, Recife, PE, 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário